Loja Social inaugurada na Atalaia

O dia 4 de outubro, na Atalaia (concelho do Montijo), ficou marcado por um ato simbólico de elevação dos valores da solidariedade, justiça social e dignidade humana: a inauguração da Loja Social da Atalaia.

O evento reuniu o presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, o presidente da Junta da União de Freguesias de Atalaia e Alto Estanqueiro-Jardia, Luís Morais, o presidente da Direção da Fábrica da Igreja Paroquial da Atalaia, Padre António Estevão e três dezenas de convidados para a assinatura do protocolo de colaboração entre as três entidades e inauguração oficial da Loja Social da Atalaia.


Uma nova resposta social que “pretende homenagear o Montijo, os montijenses, os homens e as mulheres que diretamente e diariamente fazem deste concelho um território de solidariedade, um espaço de inclusão e uma cidade com justiça social”, afirmou o presidente Nuno Canta.


Para o autarca, é sua função estar ao lado daqueles que “sentem os problemas e, com o seu trabalho e inteligência, dão o melhor de si para que o Montijo eleve os seus níveis de desenvolvimento e os distribua com equidade. O combate à pobreza e exclusão social assume uma importância decisiva numa sociedade que se quer justa e solidária e que tem em consideração os valores da cidadania e da tolerância”.


O presidente da Junta da União de Freguesia de Atalaia e Alto Estanqueiro-Jardia relembrou o processo de criação da Loja Social da Atalaia, caracterizando-o como “um trabalho árduo que tem agora instalações que dignificam a sua amplitude” e deixou uma frase de grande simbolismo para o momento: “se o amor é o mais nobre dos sentimentos, a solidariedade é o sentimento que melhor expressa o respeito pela dignidade humana”.
O Padre António Estevão, presidente da Direção da Fábrica da Igreja Paroquial da Atalaia, salientou que é “no seio da pobreza que vemos, muitas vezes, mais atos de solidariedade. A comunidade cristã orgulha-se por este trabalho conjunto e pela possibilidade de dar nova vida aquele espaço para daí decorrer uma ação social que por ser humana traz, naturalmente, a marca do divino”.
A criação da Loja Social da Atalaia, instalada agora no edifício da antiga junta de freguesia da Atalaia, resulta do protocolo de colaboração entre a Câmara Municipal do Montijo, a Junta da União de Freguesias da Atalaia e Alto Estanqueiro-Jardia e a Cáritas Paroquial – valência da Fábrica da Igreja Paroquial da Nossa Senhora da Atalaia.


A Câmara pretende, com este protocolo e esta nova resposta social, dar continuidade à opção política municipal que define o eixo estratégico prioritário de atuação a solidariedade social e o aprofundamento e reforço da rede social concelhia, promovendo uma maior interação e cooperação entre instituições.

 

Anúncios