Câmara assegura refeições durante férias escolares

Na reunião pública da Câmara Municipal do Montijo, decorrida no dia 20 de agosto, a vereadora Maria Clara Silva, responsável pelo pelouro da Educação, revelou que os refeitórios escolares estiveram disponíveis para as famílias e associações, no período de 15 de junho a 31 de julho, em plena pausa letiva das férias escolares de verão.

No total, foram servidas mais de 17 mil refeições: 9 206 a alunos do pré-escolar com complemento de horário e 7 937 a alunos do 1.º ciclo do ensino básico participantes em atividades de apoio à família dinamizadas por associações de pais, clubes desportivos e outras associações que desenvolvem programas de férias escolares.


Das 17 mil refeições fornecidas, a Câmara suportou na totalidade os encargos com mais de três mil refeições dos alunos beneficiários da ação social escolar.


Com esta ação, que representa um esforço financeiro e logístico para a Câmara Municipal do Montijo, a autarquia contribuiu para a necessidade de respostas que as famílias enfrentam durante a pausa letiva de verão.


A vereadora Maria Clara Silva relembrou o vasto trabalho desenvolvido, ao longo de anos, pelo executivo socialista da Câmara Municipal do Montijo na área da educação que permitiu “reconstruir e o aumentar o Parque Escolar em mau estado, investir numa cobertura quase total da rede Pré-Escolar” e desenvolver projetos e serviços essenciais como a Carta Educativa, as atividades de enriquecimento curricular, a rede de Bibliotecas Escolares, o apoio em livros e material escolar, entre outros.


Um longo caminho percorrido no concelho na área da Educação que “só foi possível através de parcerias fortes com toda a comunidade educativa e pela qualidade dos trabalhadores da Divisão de Educação”, acrescentou a autarca.


Na sua intervenção, a vereadora Maria Clara Silva mostrou, ainda, preocupação com os efeitos da crise económica e “da política educacional, sem qualquer rumo que já deu infelizmente os seus frutos: a taxa de retenção dos alunos do Ensino Básico foi de 10,4% no ano letivo 2013/2014, sendo que 10% dos alunos ficam retidos no 2º ano do Ensino Básico – com 7 anos de idade”, reiterando o empenho da Câmara Municipal do Montijo na defesa de uma Escola Pública de qualidade para todos.

 

Anúncios